IDIOMA

 
 
 
Serviços de A a Z
Segunda, 31 de dezembro de 2012, 11h00 | Tamanho do texto: A- A+

ENTREVISTA

Reitor fala das perspectivas para a Universidade de MT

LYGIA LIMA
Assessoria Unemat

O reitor da Universidade do Estado de Mato Grosso, professor Adriano Silva, faz um balanço das ações da instituição em 2012 e fala sobre as perspectivas de crescimento e investimentos na Universidade para 2013.


A Unemat fecha o ano de 2012 com a aprovação do seu estatuto. O que isso significa para a instituição?

O Estatuto da Unemat define a natureza jurídica, princípios, fins da Instituição que vinha sendo discutido desde o Congresso Universitário ocorrido em dezembro de 2008. É um marco legal que vai permitir o encaminhamento de regimento geral e específicos da Unemat. Além disso, é fundamental ressaltar o empenho que essa gestão vem fazendo no sentido de observar as normas e procedimentos, sempre respeitando as decisões colegiadas. Tanto que encaminhamos a discussão do Estatuto da Unemat junto ao Conselho de Educação que entendeu a autonomia da instituição e respeitou a vontade dos colegiados internos que elaboraram o documento.

Neste ano, a Unemat abriu vestibular para a primeira turma de Medicina em Cáceres. Como está a estruturação do curso, com professores e laboratórios? O que esperar desse curso?

A implantação do curso de Medicina é um sonho antigo da Unemat e do governo do Estado, que reconhece a necessidade de ampliar a formação de médicos em regiões fora da capital. Esse curso vai representar um salto de qualidade para a Unemat e também para o município, já que contribui para consolidar Cáceres como um polo educacional e de saúde. Esse é um bacharelado com uma proposta pedagógica diferenciada, em que os acadêmicos aliam o conhecimento teórico e a vivência prática. Pensando nisso, a Unemat e a Prefeitura de Cáceres assinaram convênio, que permite que os acadêmicos desenvolvam atividades nas Unidades Básicas de Saúde, supervisionados pelos professores.

O que a Universidade vem fazendo para a melhoria da qualidade dos cursos de graduação, de um modo geral?

Em todos os cursos da Unemat temos uma preocupação constante com a qualidade da educação para os nossos mais de 16 mil alunos, nas diferentes modalidades de ensino. Por isso, estamos investindo em laboratórios de ensino e pesquisa com equipamentos de ponta para todos os campi. Além dos investimentos em estrutura, estão sendo propostas mudanças nas grades curriculares dos cursos, nas formas de apresentação dos trabalhos de conclusão e dos estágios curriculares, de modo a atender garantir uma formação humanística aos nossos acadêmicos além de atender às exigências do mercado. A Unemat também vai realizar concurso público para docentes ainda no primeiro semestre de 2013 para garantir profissionais efetivos e uma melhoria contínua nos cursos de graduação ofertados pela instituição.

Como está a organização para a realização do concurso público para docente da Unemat?

O processo burocrático de levantamento de documentação já foi concluído. A Universidade comprovou que há previsão orçamentária para realização do concurso e para aumento de folha de pagamento nos próximos anos e realizou levantamento das vagas disponíveis a partir de edital interno para remoção docente. A documentação encontra-se em análise nas secretarias de Administração, Planejamento e Fazenda. A previsão é que o concurso seja realizado e homologado ainda em 2013, suprindo a demanda dos cursos criados em 2006 que ainda não têm quadro efetivo: Comunicação Social em Alto Araguaia, Engenharia de Alimentos em Barra do Bugres, Educação Física em Cáceres, Enfermagem em Tangará da Serra, Agronomia em Nova Xavantina e Engenharia Civil em Sinop. Mas também devem ser atendidos outros cursos que tiveram vacância no quadro por diversos motivos e estão com insuficiência de profissionais efetivos.

Neste ano, a Unemat deu posse a profissionais concursados em 2011. Há previsão de novas chamadas?

Nesta primeira convocação foram 113 profissionais técnico-administrativos nomeados de 199 candidatos aprovados. O prazo de validade do concurso é de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período. Há perspectiva de nomeação da totalidade no primeiro semestre de 2013. A posse dos novos servidores contribui para a melhoria da qualidade dos serviços prestados. A Universidade passa por escassez de servidores administrativos em diversos setores. Os profissionais técnicos atuam nas atividades meio da Universidade, garantindo suporte às atividades de ensino, pesquisa e extensão.

Os investimentos em pós-graduação na Unemat são crescentes. Quais ações merecem destaque?

Em 2005 tínhamos somente um mestrado institucional, hoje são oito e estamos trabalhando para consolidar e apresentar novas propostas em diferentes áreas do conhecimento. Além disso, também trabalhamos com afinco para aprovar um doutorado institucional. Outra ação que a reitoria vem estabelecendo em parceria com as pró-reitorias é a assinatura de convênios de cooperação com diferentes instituições nacionais e internacionais no sentido de garantir o intercâmbio de pesquisas, publicações conjuntas e até mesmo mobilidade entre docentes e acadêmicos.

E como está o processo de mobilidade acadêmica?

A Diretoria de Mobilidade Acadêmica foi criada em dezembro de 2011 e é um importante instrumento para fomentar o intercâmbio acadêmico. Nesse período, a Unemat já encaminhou três alunos para o exterior por meio do programa Ciência sem Fronteira. Também estamos com sete alunos em mobilidade nacional, sendo seis para UFMT e um para a Universidade Dom Pedro, em São José do Rio Preto e recebemos em mobilidade um acadêmico vindo do Peru, além de outros acordos firmados com universidades nacionais e estrangeiras.

Considerando o perfil do público atendido pela Universidade, quais as principais ações vêm sendo desenvolvidas para contribuir na permanência dos acadêmicos na Universidade?

Pesquisa recente feita na Unemat mostrou que mais de 70% dos candidatos que prestam vestibular na instituição concluíram o Ensino Médio em escolas públicas e mais da metade têm renda familiar até três salários mínimos. Para atender esse público, a Universidade investe constantemente em uma política de apoio à permanência do estudante nos cursos de graduação. Atualmente, a Unemat mantém mais de 1.000 bolsas estudantis em diferentes modalidades, como por exemplo, bolsa apoio, iniciação científica, extensão universitária, incentivo à docência e ao protagonismo estudantil, além de retomado o programa de estágio remunerado. Neste ano, foram concedidas mais de 120 auxílios publicação para apresentação de trabalhos em eventos científicos, disponibilização de recursos para manutenção das moradias estudantis em diversos campi e seguro vida para os discentes matriculados. Outras propostas estão em discussão, tais como, auxilio alimentação, moradia, transporte e permanência.

A universidade passou a adotar as notas do Enem para ingresso nos cursos de graduação. O que essa mudança representa para quem pretende estudar na Unemat?

A Unemat passou a adotar as notas do Enem no vestibular do início de cada ano letivo. Já o vestibular do meio do ano será mantido da forma tradicional. A adesão ao Enem é uma forma de oportunizar o acesso ao ensino superior a mais pessoas, já que o Exame ocorre em quase todas as cidades do país e não tem custo de inscrição, ao passo que no vestibular tradicional os interessados devem se deslocar a um polo de prova. A Unemat é uma universidade pública e quer assegurar condições de igualdade para os candidatos a uma das vagas do ensino superior em Mato Grosso.

Qual a perspectiva que a reitoria da Unemat vem traçando para 2013?

Nós estamos trabalhando junto ao Governo do Estado e junto a Assembleia Legislativa a regularização do repasse automatizado para a Unemat. Esse repasse seria estabelecido em lei a partir da definição de um percentual do orçamento estadual vinculado a Receita Corrente Líquida. Com essa garantia de imposição orçamentária nós teremos como planejar e executar novos investimentos que vem sofrendo uma demanda represada por falta de recursos. Os investimentos seriam destinados prioritariamente na melhoria da infraestrutura e equipamentos que vão assegurar mais qualidade no ensino em todos os campi.

Newsletter
Preencha o formulário abaixo para receber nossos boletins: