IDIOMA

 
 
 
Serviços de A a Z
Segunda, 19 de outubro de 2015, 13h57 | Tamanho do texto: A- A+

ANPROTEC

Parques tecnológicos e incubadoras são temas dos primeiros debates

AUGUSTO PEREIRA
Assessoria/Seciteci

 

Assessoria/Seciteci
http://www.secom.mt.gov.br//storage/1/webdisco/2015/10/19/374x280/06ff3a94b95a1d1629889a2a6df33006.jpg

A primeira atividade da Conferência Anprotec 2015 nesta segunda (19.10) foi um painel de boas vindas conduzido pelas entidades realizadoras do evento. A conferência acontece no Centro de Eventos do Pantanal e contou com o presidente da Arca Multincubadora, Wilson Luconi, na abertura do evento.

Ao fim do painel, a secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Mato Grosso, Luzia Helena Trovo saudou o público e enfatizou a importância do empreendedorismo e da inovação para o desenvolvimento regional. ‪“Mato Grosso é um estado com muito potencial e tem um governo sensível ao fato de que tecnologia, ciência e conhecimento são suportes para o desenvolvimento. A prova desse apoio é que os esforços para que o Parque Tecnológico de Mato Grosso fosse lançado na Conferência não foram em vão. Poderemos fazer contatos que, com certeza, serão importantes para o fortalecimento desse ambiente. Sejam todos muito bem vindos”.

Na manhã desta segunda tiveram início os workshops temáticos discutindo “O papel dos parques tecnológicos no desenvolvimento de cidades inteligentes” e “modelos híbridos de apoio ao empreendedorismo inovador. Em ambos os espaços estão em discussão as maneiras de desenvolvimento de espaços multi institucionais de apoio à inovação.

Luiz Sanz, diretor da Associação Internacional de Parques Científicos e Ambientes de Inovação (IASP), afirmou que os parques tecnológicos começaram a surgir a partir da necessidade da iniciativa privada e foram apoiados pelo Estado. "Atualmente as ações governamentais já dão iniciativa aos ambientes de parques tecnológicos" afirmou.

Participaram também dos painéis de abertura a superintendente-executiva da Anprotec, Sheila Oliveira Pires e o vice-reitor da Universidade Federal do Mato Grosso, João Carlos Maia. A conferência segue com workshops e debates na área do empreendedorismo, fundos de investimento, ações governamentais e pesquisas acadêmicas até a sexta-feira (23.10).

Newsletter
Preencha o formulário abaixo para receber nossos boletins: